Berliner Tageblatt - Brasil vai disputar amistosos contra Guiné e Senegal em junho

Börse
MDAX 0.58% 25621.32
TecDAX 0.81% 3296.21
DAX 0.5% 18159
SDAX 0.95% 14537.3
Euro STOXX 50 0.8% 4924.82
Goldpreis 0.29% 2353.8 $
EUR/USD -0.17% 1.073 $
Brasil vai disputar amistosos contra Guiné e Senegal em junho
Brasil vai disputar amistosos contra Guiné e Senegal em junho / Foto: © AFP

Brasil vai disputar amistosos contra Guiné e Senegal em junho

A seleção brasileira fará dois amistosos, contra Guiné e Senegal, em junho, o primeiro deles em Barcelona, justamente em um momento em que a Espanha está sendo pressionada por conta de casos de racismo contra o atacante Vinícius Júnior.

Textgröße:

O Brasil, ainda sem treinador devido à saída de Tite após o fim da Copa do Mundo do Catar, enfrenta a seleção guineense (79ª do ranking da Fifa) no dia 17 de junho, na cidade espanhola, disse à AFP uma fonte da Confederação Brasileira de Futebol (CBF).

A CBF está trabalhando com a Real Federação Espanhola de Futebol (RFEF) para que o jogo seja utilizado no combate ao racismo na Espanha, após os últimos insultos sofridos pelo atacante brasileiro do Real Madrid e da seleção, acrescentou a fonte.

Três dias depois, o Brasil (3º do ranking) enfrenta em Lisboa o Senegal (18º), eliminado pela Inglaterra nas oitavas de final da última Copa.

Ednaldo Rodrigues, o primeiro presidente negro da CBF, exigiu neste domingo sanções contra a Liga Espanhola devido às repetidas denúncias de Vini sobre discriminação racial por parte dos torcedores.

E na segunda-feira enviou um documento à Fifa, com cópia para a Uefa, Conmebol e RFEF, pedindo que tome "medidas esportivas e legais para combater atos racistas".

"Não se pode mais ficar sendo apenas solidário com as vítimas do racismo, tem que ter um comprometimento de todas as autoridades", afirmou Rodrigues em um comunicado.

No momento não se sabe quem quem vai comandar a seleção nos doi jogos preparatórios antes do início das eliminatórias sul-americanas para a Copa do Mundo dos Estados Unidos, México e Canadá-2026, nas quais o Brasil vai estrear contra Bolívia e Peru em setembro.

A lista de convocados deve ser revelada até domingo, acrescentou a fonte da CBF.

De acordo com o programa 'Seleção', do canal SporTV, que deu informações sobre os jogos preparatórios, o responsável seria o técnico da seleção sub-20, Ramon Menezes, que está participando do Mundial dessa categoria, realizado na Argentina.

Ramon, de 50 anos, comandou a equipe na derrota para o Marrocos (2 a 1), em março, no primeiro jogo da seleção brasileira principal após a derrota para a Croácia nas quartas de final do Mundial do Catar-2022.

Com a missão de ser o novo líder do Brasil em campo diante das repetidas lesões de Neymar, Vinícius disputou a partida inteira contra os africanos.

O presidente da CBF já disse que seu "plano A" para substituir Tite é o italiano Carlo Ancelotti, técnico do Real Madrid.

Mas Ancelotti afirmou na sexta-feira que vai continuar no comando da equipe merengue, com quem tem contrato até 2024.

R.Adler--BTB